segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Let's dance

Projeto: danças de países de língua Inglesa.

Parabéns alunos e professora Angela Trindade. Foi maravilhoso assistir o trabalho das turmas que realmente "entraram na dança."




sábado, 8 de novembro de 2014

Dia de los Muertos e Halloween!

Festa Intercultural no CEAM

Dia de los Muertos e Halloween!

Comemorados em 05/11/2014




Até Frida Kahlo estava presente!




Cada turma decorou sua sala com os dois temas: Dia de los Muertos e Halloween. E eles tinham que explicar aos professores a origem de cada uma! Essa é a 2018. São 21 turmas. Imaginem como ficou a escola no turno da manhã!





























Exposição no hall com um pot-pourri da cenografia das turmas.
































domingo, 2 de novembro de 2014

Mapas Mentais em Artes



Com o uso do Prezi os alunos do 2º ano transformaram pesquisas em Mapas mentais, que comparam as semelhanças e diferenças entre a vida e a obra dos artistas: Salvador Dalí, Joan Miró e Vik Muniz.

http://prezi.com/ay8pnmwtg_td/trabalho-de-artes/

http://prezi.com/hc1onywqywal/munizmirodali/?utm_campaign=share&utm_medium=copy



Os estudantes também utilizaram o GIMP, um programas de edição de imagem e transformaram paisagens  brasileiras em surreais.


"Rio Surreal" Mª Helena (2009)
"Cat Redentor" de Willian Santos (2004)
"CORcovado" de Jessica Maia (2004)
"Cataratas" de Juliana Andrade (2004)



sábado, 1 de novembro de 2014

IV Seminário Regional das Relações Étnico-Raciais no CEAM

Aconteceu no dia 29/10/2014, no Colégio Estadual André Maurois situado no Bairro do Leblon, Rio de Janeiro, RJ, do IV Seminário Regional das Relações Étnico-Raciais com Tema “Direitos Humanos: A Escola e as Transformações Sociais”. O evento objetiva expandir e contribuir para o diálogo interdisciplinar, oportunizando a transformação da prática pedagógica e a melhoria da organização curricular, além de suscitar uma reflexão sobre direitos humanos.


O evento contou com a participação de diversas escolas das Metropolitanas III, IV e VI e também do Instituto de Arqueologia Brasileira - IAB.















Oficina de bonecas Abayomy
A palavra abayomi tem origem iorubá, e costuma a ser uma boneca negra, significando aquele que traz, felicidade ou alegria. (Abayomi quer dizer encontro precioso: abay=encontro e omi=precioso). O nome serve para meninos e meninas, indistintamente.

A história das Bonecas Abayomi, começou com Lena Martins, artesã de São Luiz do Maranhão, educadora popular e militante do Movimento de Mulheres Negras, que procurava na arte popular um instrumento de conscientizaçãosociabilização. Logo, outras mulheres, de várias gerações, vindas de vários movimentos sociais e culturais, aprenderam com ela, juntaram-se e fundaram no Rio de Janeiro a Cooperativa Abayomi, em dezembro de 1988, dando continuidade ao trabalho desde então.



A cooperativa estimula as relações de cooperação e generosidade, o fortalecimento da auto-estima e reconhecimento da identidade afro-brasileira de negros e descendentes, buscando superar as desigualdades de gênero, integrando a memória cultural brasileira.


























Oficina de Turbantes