quarta-feira, 3 de agosto de 2016

CEAM no MIRIN 2016

Participação dos alunos do CEAM no Modelo Intercolegial de Relações Internacionais – MIRIN da PUC-Rio, agosto de 2016.
PARABÉNS!
Ana Paula e Jéssica representando a África do Sul e Jordânia no Conselho de Direitos Humanos (CDH) para discutir a prevenção e erradicação do recrutamento e utilização dessas crianças em conflitos, buscando solucionar a questão das "crianças-soldados", principalmente o recrutamento realizado pelo Estado Islâmico nas regiões do Iraque e da Síria.

Ellen e Ketlen representando a delegação das Filipinas no Conselho de Segurança Histórico (CSH), para discutir a questão da a intervenção soviética no Afeganistão em 1979.

Geisy representou a Nova Zelândia na Corte Internacional de Justiça (CIJ), onde os Juízes da Corte Internacional teriam que decidir sobre a acusação dos Croátas da Violação da Convenção de Genocídio pelos Sérvios.
Mariana e Tadeu representando a delegação da África do Sul no G20 para debater a recente crise econômica que se abate sobre os principais países emergentes e seu efeito sobre a economia global.

Rebecca e Sander representaram a Bulgária e a Croácia no Conselho Europeu (CE) para discutir a adoção de políticas migratórias para resolver a crise dos refugiados na Europa.

Thiago representando a Costa Rica na IV Cúpula das Américas, no ano de 2005, para discutir os rumos dos continentes sobre as questões de Emprego, Democracia e Liberdade Comercial.

Bárbara esteve presente na Imprensa representando o jornalismo da Globo News e realizando a cobertura dos comitês.

Nossos alunos fizeram bonito junto com alunos de diversos colégios brasileiros. Resultado do trabalho de muitos professores da escola, apesar de todas nossas dificuldades, e de todo apoio na formação e no dia a dia da organização do MIRIN da PUC. Uma parceria antiga realizada pela professora Irene e que tenho muito orgulho de dar continuidade. E que venha o CEAMAP, Colégio Estadual André Maurois na Alta Política, modelo de simulação criado pelos próprios alunos do CEAM e que também tenho muito orgulho de participar. Uma outra educação é possível.


terça-feira, 2 de agosto de 2016


O Colégio Estadual André Maurois foi um dos Colégios Ocupados pelos alunos durante a Greve de 2016. Eles reivindicaram melhorias, dentre elas, "eleições diretas para direção". A Greve terminou e aguardamos as formações de chapas e as eleições. 
Muitos foram os que aderiram aos ideais dos alunos e contribuíram. Movimentos políticos, sociais, acadêmicos e artísticos estiveram no colégio durante este período e os alunos puderam conviver com alunos de universidades públicas e privadas como foi o caso da UFRJ e PUC que marcaram presença contínua no colégio. 
Artistas como Marisa Monte, Evandro Mesquita, Leoni, Claufe Rodrigues, Mano Melo, Chacal e Angela Carrocino levaram músicas e dialogaram com os alunos. 
(Marisa Monte)

                   (Edu Carvalho, aluno do André Maurois e a cantora Marisa Monte na Ocupação)

                 (O cantor Leoni canta e toca com os alunos do André Maurois, durante a Ocupação)

A Greve é um instrumento legítimo e legal para que professores do Estado possam reivindicar seus direitos. É preciso lembrar que, antes da greve, os servidores estavam sob ameaça de não pagamento de seus salários. A data de pagamento foi alterada pelo Governo para o 14º dia, quando eles ganhavam no segundo dia útil. Não há aumento de salário há anos. 1/3 do planejamento das aulas não estava sendo respeitado. Além disso, o colégio estava sem faxineiras, merendeiras e profissionais de apoio. A direção não tinha sido eleita pela comunidade escolar. É preciso muita mudança. Mudança se faz com diálogo e reivindicações, com ações, com movimentos políticos. Sim! Escola é lugar de reflexão! 
"Escola sem Partido" é Escola sem Pensamento Crítico e tudo que a História do Colégio Estadual André Maurois tem é isso. Nosso lema é "Liberdade com Responsabilidade", legado de luta e resistência da grande Diretora Henriette Amado e, assim, que queremos seguir, neste colégio, e em todos os colégios públicos. Isso é DEMOCRACIA.
Por causa da Ocupação dos alunos, a Metro e a SEEDUC afastaram a Direção, conforme acordo firmado com o SEPE em todas as escolas ocupadas e estamos, no momento, no movimento de formação de chapas para eleições diretas até o fim do ano. 

Pare. Pense. Aja. Mude! 

Professor é profissional graduado e, muitas vezes, pós-graduado. Merece ser respeitado e ter seus direitos assegurados. Não trabalham por amor, mas com amor. Precisam pagar contas como todo mundo. 

Educação gratuita é um direito constitucional. É um direito humano. 

"Eu sou um intelectual que não tem medo de ser amoroso. Amo as gentes e amo o mundo. E é porque amo as pessoas e amo o mundo que eu brigo para que a justiça social se implante antes da caridade." 
(Paulo Freire, educador brasileiro)

* Profª Cintia Barreto (Doutora em Literatura Brasileira pela UFRJ. Ministra Cursos de Formação de Professores para Prefeituras do Rio e Grande Rio. Com seu livro de poesia "Entre nós" (Ed. Multifoco), recebeu o Prêmio, pela SEEDUC-RJ, de Melhor Professor-Autor de sua Metro em 2013. É uma das autoras do Currículo Mínimo de Língua Portuguesa).


quinta-feira, 14 de abril de 2016

ANDRÉ MAUROIS OCUPADO!!!!

Nesta quinta-feira, 14 de abril de 2016, o Colégio Estadual André Maurois foi OCUPADO pelos alunos que, em busca de uma Educação Pública de Qualidade, organizaram-se pacificamente para a ocupação de um espaço público legítimo que é deles e de muitos que virão.

Os alunos reivindicam melhores condições de ensino e condições justas e adequadas com segurança, equipe de limpeza e com professores (ativos e inativos) com salários em dia.

É de conhecimento de todos que o Estado pagou o 13º salário dos professores parcelado, além de ter alterado a data de pagamento, gerando ônus aos servidores e, neste mês de abril, deixou vários aposentados SEM SALÁRIO. Uma situação desumana com a qual os alunos não concordam.

Democracia! Direitos! Deveres! Cidadania são as palavras de ordem do movimento.

terça-feira, 10 de novembro de 2015

50 anos do Colégio Estadual André Maurois

Vídeo realizado pelos alunos da turma 2003 para celebrar os 50 anos do Colégio Estadual André Maurois. Um projeto coordenado pela professora de Inglês Angela Trindade..




Daurea Gomes, João Paulo Cabrera, Angela Emery Trindade e Wendel Anthuny 

em CEAM - Colégio Estadual André Maurois



Professora Claudeonora e professora Angela Trindade


Os alunos da turma 2003 também entrevistaram os professores Bruno Baião, Antonieta Ramos, Claudia Cremonini , Heloisa Pires e Cristina Motta, para compor um vídeo sobre o CEAM.




domingo, 31 de maio de 2015

Miniempresa BloCart

Parabéns, galera! 
Conduziram com muita responsabilidade, profissionalismo e souberam driblar todas as dificuldades com tranquilidade! 
Agora temos duas semanas duras para dar conta das encomendas e depois preparar a "beca" para formatura! Vamos nós !!!
 (Professora Cristina Motta coordena o projeto Mini empresa no CEAM)














Conheça nosso mais novo produto, a Blocarteira. É uma carteira com bloco de notas integrado. A Blocarteira também é feita 100% de materiais recicláveis. Não agride o meio ambiente e contribui para a redução do desperdício e desmatamento.
Além de tudo isso, na compra de uma carteira você leva uma caneta de brinde!
Entre em contato conosco através do nosso e-mail ou Facebook e peça já a sua.
E-mail: blocart@mail.com

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Formatura 2014

“Eu prometo ao sair desta escola, cumprir fielmente tudo que aqui eu aprendi: Amar e respeitar meus pais e mestres, ser bom filho e bom aluno na graduação e em outros estudos, ter sempre em meu coração a presença amiga de todos que ajudaram na minha formação. Agradeço também aos meus colegas de classe, com os que junto vivi momentos únicos, de aprendizagem e companheirismo, que nossa amizade não acabe aqui e que possamos nos encontrar daqui a alguns anos, muito melhor do que agora, com uma boa profissão e junto com as pessoas que amamos. A todos, eterna gratidão! E o meu muito obrigado.” 

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Let's dance

Projeto: danças de países de língua Inglesa.

Parabéns alunos e professora Angela Trindade. Foi maravilhoso assistir o trabalho das turmas que realmente "entraram na dança."